O que é um palete e como ele auxilia no sistema de armazenagem?

Para maximizar o espaço de estocagem e o tempo para movimentação de cargas é preciso pensar em uma solução estratégica que padronize a área das prateleiras, de circulação e o maquinário necessário para o transporte. Por isso, a armazenagem com paletes é um dos sistemas mais utilizados na estocagem e movimentação de produtos dentro dos armazéns, galpões e depósitos.

A principal função dos paletes é otimizar e facilitar o transporte e armazenamento de mercadorias, com um tamanho padrão, em porta-paletes e com o uso de paleteiras e/ou empilhadeiras. O palete é amplamente utilizado nos principais pontos de circulação de mercadorias, como nos portos, centros de distribuição, almoxarifados e armazéns.

O que é um palete?

O palete (do inglês pallet, ou francês pallette) é um estrado ou plataforma, geralmente feito em madeira, plástico ou metal, usado para empilhar ou transportar materiais por meio de empilhadeiras.

O palete é fabricado com medidas pré-determinadas, para poder ser carregado pelas máquinas existentes no mercado e otimizar os espaços por onde as mercadorias transitam. A paletização é um sistema consolidado no meio logístico e muito utilizado por empresas de varejo, armazenagem e transporte de cargas.

Qual é o tamanho de um palete?

A medida de um palete padrão é de 1,20 X 1,00 metro.

Essa medida foi estabelecida pelo GPD, Grupo Palete de Distribuição, que foi um grupo de estudos criado pela ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), no final dos anos 80, que tinha como objetivo estipular um tamanho padrão para facilitar o transporte e armazenamento de mercadorias.

A criação de um palete padrão, o chamado palete PBR ou palete brasileiro, permitiu maior integração entre distribuidores, fornecedores e varejistas e, assim, padronizou a paletização no país.

A medida estipulada de 1000 x 1200 mm é a mais utilizada não só no Brasil, como também nos EUA e na Europa. O formato retangular foi adotado por oferecer maior flexibilidade e otimização do espaço da carroceria dos caminhões, contêineres marítimos e da área de estocagem, já que as caixas de plástico e papelão mais utilizadas apresentam dimensões submúltiplas de 1.200 e 1.000 mm. Também foi constatado que o tamanho padrão internacional das gôndolas de supermercado tinha uma profundidade máxima de 1 metro. Assim, a normatização permitiu padronizar os espaços nos armazéns, caminhões e contêineres marítimos.

Como o palete auxilia na armazenagem?

O processo de paletização serve, principalmente, para agilizar o recebimento e despacho de materiais e mecanizar o movimento de mercadorias.

O palete auxilia em diversos fatores da armazenagem, como:

  • Na seletividade de produtos: o operador logístico pode empilhar vários volumes diferentes e mexer em determinada carga sem precisar deslocar as outras;
  • Na rapidez da estocagem e movimentação de pedidos: as empilhadeiras fazem o serviço pesado e os produtos ficam unificados em blocos;
  • Na otimização do espaço, podendo empilhar cargas sem danificar os produtos que estão abaixo, com melhor aproveitamento da área vertical da edificação;
  • As chances de danificar as mercadorias são menores, já que a estrutura porta-palete elimina as forças de esmagamento verticais;
  • Reduz a mão de obra humana em relação à carga batida, na qual as caixas são empilhadas manualmente;
  • Facilita a gestão de estoque e o inventário de mercadorias, uma vez que o controle pode ser feito através de código de barras ou de um sistema de informação automatizado, que concentra todas as informações sobre a carga, como proprietário, produto, destino e nota fiscal.

As estruturas porta-paletes são indicadas para quase todos os tipos de armazenagem e acomodam desde pequenas cargas até uma média de 3.000 kg, dependendo do tipo de carga (estática ou dinâmica) e do peso e tipo de material que o palete é feito.

Como nenhum sistema é perfeito, vale ressaltar que existem também algumas desvantagens no uso dos paletes:

  • Perde-se espaço nas unidades de carga devido ao volume que ocupa;
  • O seu peso pode aumentar o valor do frete;
  • Em função da maioria dos paletes serem feitos em madeira, sofrem com a ação do tempo (umidade) ou de pragas (como cupim);
  • Em alturas acima de nove metros é preciso contar com equipamentos especiais e há restrição de peso para as cargas superiores;
  • E, por fim, em função da fragilidade da estrutura do porta-palete comum, há perigo de acidentes com as empilhadeiras.

2 comentários em “O que é um palete e como ele auxilia no sistema de armazenagem?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.