Armazenagem e estocagem: entenda a diferença entre os dois conceitos

Estocagem e armazenagem são dois termos muito utilizados por profissionais da área de logística e gestão e não é raro que esses dois conceitos se misturem e sejam confundidos.

Embora sejam correlatos e se refiram a atividades com objetivos similares, há diferença entre os dois processos. Por isso, conhecer e distinguir cada um deles é importante para poder conduzi-los da melhor maneira possível.

O que é estocagem?

A atividade de estocagem se refere à conservação e guarda de materiais, que podem ser desde matérias primas até produtos acabados, em um lugar próprio para esse fim.

Esse processo, de forma simplificada, se encontra entre o recebimento e a separação dos pedidos e contempla a formação, manutenção, organização e gestão do estoque dentro de um armazém ou depósito. Logo, a estocagem faz parte do processo de armazenagem, que é uma atividade mais ampla e sobre a qual escreveremos mais a seguir.

O que é armazenagem?

A armazenagem é o setor responsável por receber, conferir, estocar, separar, embalar e expedir os produtos de uma empresa, sendo a guarda do estoque uma parte importante do processo, mas não todo.

A armazenagem é uma atividade muito mais ampla e dinâmica, que envolve movimentação, controle, organização e gestão do fluxo de materiais de uma organização.

Para que todas as etapas do processo de armazenagem funcionem bem, é necessário manter uma estrutura física, operacional e tecnológica adequada, contando com um galpão ou depósito condizente com os itens armazenados, estruturas internas e maquinários necessários para a movimentação e alocação dos produtos, softwares de controle e gestão, equipamentos de automação, além de uma equipe qualificada para administrar e executar todas as atividades.

Quer entender melhor como funciona o processo de armazenagem e conhecer as suas etapas? Então acesse este post do blog da Stokki sobre o assunto.

Então, qual é a diferença entre armazenagem e estocagem?

A armazenagem tem como principal função armazenar os materiais e movimentá-los para percorrer os fluxos logísticos necessários para recepção, manutenção e entrega de produtos.

Já a estocagem é o ato de formar estoque e mantê-lo armazenado em local e condições adequadas, enquanto não precisa ser movimentando.

Por isso, a estocagem, como já dito anteriormente, faz parte do processo de armazenagem, que é muito mais amplo, dinâmico e envolve uma estrutura operacional maior. 

Entretanto, a gestão do estoque, por englobar atividades dos setores de vendas, compras e estudo de demanda, não deixa de ser muito importante para o sucesso de uma empresa, pois está diretamente relacionada ao faturamento, à satisfação do cliente e à administração de materiais e do fluxo de caixa.

Já a armazenagem se relaciona com a gestão de atividades operacionais logísticas e o seu desempenho afeta diretamente a efetividade e a velocidade da operação, fabricação e entrega de mercadorias, posto que está diretamente ligada aos processos de distribuição, organização, conservação e movimentação dos itens estocados.

Desse modo, entendendo a diferença entre os dois conceitos, fica mais fácil de acompanhar indicadores, determinar estratégias de gestão e administrar melhor cada área.

Quer ler mais artigos relacionados à armazenagem, logística e gestão de estoque? Então acesse o blog da Stokki e assine a nossa newsletter.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.